domingo, 3 de julho de 2011

Sintomas da PAIXÃO!

"O título é meio brega. Ia ser pior ainda. A primeira idéia era “Os sintomas do amor”, mas aí eu caí na real e vi que até hoje, aos 28 anos de idade, eu ainda não conheci o amor. Não faço idéia do que sente uma pessoa que ama, porque na minha história pessoal nenhum relacionamento ultrapassou os dois anos de vida e eu imagino que o amor seja uma coisa que nasce depois, com o tempo, como aquele casal sessentão que vi andando de mãos dadas hoje na praça. Posso não entender de amor, mas de paixão acho que entendo. Entendo sim porque já me apaixonei e já até tentei me desapaixonar, e não consegui. É como saber que estou doente de uma doença para a qual a medicina ainda não descobriu a cura. Você fica meio desesperado porque aquilo não passa, ou demora a passar, e não há remédio que cure ou pelo menos alivie a dor. Falei em doença e explico o porquê: na minha opinião, a paixão é algo que pode ser diagnosticado tal qual uma gripe, através de uma análise específica dos sintomas. E a minha intenção aqui é tentar enumerar alguns destes sintomas para que qualquer um possa fazer um auto-exame e descobrir se tem ou não a tal “enfermidade”. 
É bem provável que o meu intuito seja vão, uma vez que me baseio única e exclusivamente numa cobaia solitária, eu mesmo, enquanto o método científico clama por amostragens maiores a fim de se aproximar ao máximo de resultados verídicos.
Como não sou cientista, tomo a liberdade de quem não pretende ser levado a sério para enumerar, de 1 a 10, os sintomas da paixão. É muito fácil. Você pode ter certeza que está apaixonado se:

1. Você se flagra pensando nela às três da tarde de uma terça-feira repleta de trabalho e tem uma vontade incontrolável de parar tudo que está fazendo só pra telefonar e ouvir aquele jeito de falar que só ela tem e você não entende como é que pode...;

2. O simples fato de saber que na sexta-feira vai ter uma festa e ela vai estar lá já te faz lembrar que suas calças estão muito velhas e que você precisa urgente ir ao shopping pra comprar uma calça nova;

3. Toda vez que você sabe que vai se encontrar com ela você toma aquele banho com atenção redobrada, gasta quase o sabonete inteiro, usa e abusa do xampu e quando sai do banho faz a barba mais meticulosa da década e passa o perfume em todas as vinte e três partes do corpo que, nas suas fantasias antecipadas, ela cheirou;

4. Ela chega na festa que você já sabia há muito tempo que ela ia, tanto que passou a semana inteira ensaiando sozinho conversas interessantes, mas mesmo assim bate uma súbita taquicardia e um nervosismo tão besta que ela te fala “oi” e você não consegue responder direito;

5. Na hora que você vai deixá-la em casa, depois da festa, você pára o carro na porta, mas fica rezando por dentro pra não chegar nunca o momento da despedida, fica ali com ela demorando até o dia nascer e quando ela fala que tem que ir você pergunta: -Mas já?;

6. Ao acordar de manhã, no exato instante em que o cérebro começa a funcionar, a primeira coisa que você se lembra é que vocês ficaram juntos na véspera e isso te dá vontade de dar um pulo da cama como quem comemora um gol, mas você não pula e fica deitado mesmo, se enrola no cobertor e ri sozinho;

7. Você fica se policiando o dia inteiro pra não ligar pra ela no dia seguinte, porque você tem medo de ligar e ela te achar muito pegajoso e se desinteressar, mas mesmo assim chega uma hora que você não consegue e acaba ligando;

8. Deitado na cama, à noite, você se lembra de um livro que ela falou que estava louca pra ler e fica doido pra chegar logo o dia seguinte que é pra você poder comprar o tal livro e deixar na portaria do prédio em que ela mora, com um cartão com seu nome e umas palavras que só você mesmo poderia ter escrito;

9. Toca uma música no rádio e você logo pensa que essa música é a cara dela, mas aí essa música acaba e começa uma outra música que é tão a cara dela quanto a que acabou de tocar;

10. Naquele boteco, só você e ela, conversando e comendo aquele tira-gosto manjado com uma cerveja gelada quase banal, você subitamente constata que não existe nenhum outro lugar do mundo em que você preferiria estar naquele momento que não fosse ali mesmo, naquele boteco ordinário, com ela."
(Frederico Bernis)

Minhas considerações:

1. E quem já não flagrou a si mesmo nessa situação??? Acredito não existir ser humano que nunca teve tal sintoma rs!

2. Kkkkkkkkkk... todos os apaixonados desejam estar “incrivelmente belos” aos olhos do ser amado!!!

3. Realmente rs... quando estamos apaixonados, uma das coisas que mais gostamos de sentir no outro é “o CHEIRO” e “o TOQUE”... São sempre incríveis pra vc!!!

4. É, não adianta ensaiar rs... na hora tudo acaba acontecendo de forma diferente do planejado rsrs... Ficamos cegos, atrapalhados e sem jeito rs!!!

5. É... a nossa vontade é ter uma varinha mágica para “fazer o TEMPO parar ali” ... E depois, aquele momento NÃO sai das suas lembranças!!! Martela a sua cabeça rs, o tempo todo rs!

6. É nesse exato momento que nossa imaginação “vai longe” ... flutuamos em meio nossos desejos e vontades...

7. Kkkkkkkkkkkkk ... Isso deve evitar-se... rsrs!

8. Quando estamos APAIXONADOS, sentimos uma imensa vontade de fazer TUDO que o ser AMADO deseja!!! É inevitável!!!

9. Todas as músicas que escutamos no rádio, sempre terão um toque daquela pessoa tão especial pra nós rs!!! Pode até ser coisa da “nossa imaginação”, mas, ACONTECE 

SEMPRE!

10. Quando estamos APAIXONADOS, qualquer lugar se transforma no mais PERFEITO dos lugares... Basta estar com que se AMA!!! O lugar não faz a menor diferença... afinal, os que estão ao seu redor passam despercebidos pelos seus olhares rs!!! 

Diante o exposto, acredito ser muito difícil decifrar a palavra "AMOR"... 
Apesar de ser uma palavra curtinha, possui significado complexo! 
Cada um senti de uma forma... 
Cada um AMA conforme o compasso do seu coração!!!
No meu conceito, AMAR não é algo que você faz, e sim, uma expressão de:
"QUEM VOCÊ É."
O AMOR preenche todas as partes da nossa natureza, 
e como DEUS é infinito e ETERNO, assim acredito ser o AMOR.
Contudo, DEUS é PERFEITO, e nós NÃO.
E é pelo fato dos "seres humanos" serem IMPERFEITOS, 
que não conseguimos manter relacionamentos PERFEITOS, 
pensamentos e troca de sentimentos com PERFEIÇÃO!
Não conseguimos AMAR em seu verdadeiro sentido... 
Esse AMOR, apenas DEUS conhece!
E há uma razão que nos impede de AMAR aos outros e á ELE como nos ama:
"DEUS nos AMOU primeiro"
Ainda assim, acredito que HOMEM x MULHER,
possam realmente conhecer e AMAR um ao outro na dimensão TOTAL
e com todas as fibras do seu ser emocional, física, mental e espiritualmente!
O VERDADEIRO amor não é fácil e não acontece por si só!
São necessárias DUAS pessoas que confiam em DEUS e que,
visam o mesmo objetivo:
"INTIMIDADE."
Acredito no AMOR verdadeiro entre HOMEM e MULHER,
e o entendo como um sentimento que predispõe alguém a desejar "o bem do outro",
é dedicar-se ao "outro" de forma absoluta. 
O AMOR verdadeiro não é egoísta, é paciente e nos faz respeitar as vontades do ser amado! 
Quando nosso coração está preenchido por esse sentimento ÚNICO, 
nos tornamos "seres" MELHORES... 
Ficamos fascinados por cada momento vivido ao lado de quem amamos!
Nos apegamos aos atos e gestos mais simples do "outro".
Ficamos atento a todas as suas formas e expressões...
Ao ouvir a voz ou mesmo vê-lo, o coração acelera, 
as pernas ficam bambas, as mãos suadas, olhar brilhante...
Parecemos adolescentes "amando pela primeira vez".
Amar alguém é querer estar ao lado, querer coisas simples, 
como andar de "mãos dadas na rua", "ir ao supermercado", 
"tomar um chopp no boteco da esquina", 
ou mesmo, simplesmente sentar no sofá e ficar admirando todas 
as formas e expressões daquela pessoa que tanto DESEJAMOS!!!
Quando estamos longe, somos perseguidos por um sentimento
de vazio, solidão... sentimos o coração "apertado", contando assim,
cada minuto para "junto dele(a) estarmos"...
É... talvez seja complicadíssimo para nós explicarmos o que é o AMOR...
Então, me contento em "SENTIR"...
Qualquer expressão ou qualquer palavra aqui escrita, NUNCA enfatizará o real
significado do que pra mim é o "AMOR"...
Consigo apenas senti-lo e demonstrá-lo através das minhas atitudes...
Afinal, dizer "EU TE AMO" é fácil... 
Difícil é tornar essa frase VERDADEIRA!!!
"Amar é uma arte, porém, nem todo mundo é um artista."
Sou grata  DEUS por me dar esse "DOM"... 
Graças á ELE eu sei AMAR de forma simples e natural:
"COM TODA FORÇA DO MEU CORAÇÃO!"

3 comentários:

  1. É isso aí, Mel.
    Muito bom.
    E muito obrigado também,

    Fred.

    ResponderExcluir
  2. Sinceramente, escreve muito bem.
    Está de parabéns.
    Li e reli todas as suas postagens,
    me surpreendi com as palavras.
    Além de linda, muito inteligente.
    Deus te abençoe.

    Marina Facco

    ResponderExcluir
  3. sábias palavras
    gatíssima vc - Júlio Vilella

    ResponderExcluir